LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

A pedra no caminho


Conta-se a lenda de um rei que viveu há muitos anos num país para lá dos mares. Era muito sábio e não poupava esforços para inculcar bons hábitos nos seus súbditos. Frequentemente, fazia coisas que pareciam estranhas e inúteis; mas tudo se destinava a ensinar o povo a ser trabalhador e prudente.
— Nada de bom pode vir a uma nação — dizia ele — cujo povo reclama e espera que outros resolvam os seus problemas. Deus concede os seus dons a quem trata dos problemas por conta própria.
Uma noite, enquanto todos dormiam, pôs uma enorme pedra na estrada que passava pelo palácio. Depois, foi esconder-se atrás de uma cerca e esperou para ver o que acontecia.
Primeiro, veio um fazendeiro com uma carroça carregada de sementes que ele levava para a moagem.
— Onde já se viu tamanho descuido? — disse ele contrariado, enquanto desviava a sua parelha e contornava a pedra. — Por que motivo esses preguiçosos não mandam retirar a pedra da estrada?
E continuou a reclamar sobre a inutilidade dos outros, sem ao menos tocar, ele próprio, na pedra.
Logo depois surgiu a cantar um jovem soldado. A longa pluma do seu quépi ondulava na brisa, e uma espada reluzente pendia-lhe à cintura. Ele pensava na extraordinária coragem que revelaria na guerra.
O soldado não viu a pedra, mas tropeçou nela e estatelou-se no chão poeirento. Ergueu-se, sacudiu a poeira da roupa, pegou na espada e enfureceu-se com os preguiçosos que insensatamente haviam deixado uma pedra enorme na estrada. Também ele se afastou então, sem pensar uma única vez que ele próprio poderia retirar a pedra.
Assim correu o dia. Todos os que por ali passavam reclamavam e resmungavam por causa da pedra colocada na estrada, mas ninguém lhe tocava.
Finalmente, ao cair da noite, a filha do moleiro passou por lá. Era muito trabalhadora e estava cansada, pois desde cedo andara ocupada no moinho. Mas disse consigo própria: “Já está quase a escurecer e de noite, alguém pode tropeçar nesta pedra e ferir-se gravemente. Vou tirá-la do caminho.”
E tentou arrastar dali a pedra. Era muito pesada, mas a moça empurrou, e empurrou, e puxou, e inclinou, até que conseguiu retirá-la do lugar. Para sua surpresa, encontrou uma caixa debaixo da pedra.
Ergueu a caixa. Era pesada, pois estava cheia de alguma coisa. Havia na tampa os seguintes dizeres: “Esta caixa pertence a quem retirar a pedra.”
Ela abriu a caixa e descobriu que estava cheia de ouro.
A filha do moleiro foi para casa com o coração cheio de alegria. Quando o fazendeiro e o soldado e todos os outros ouviram o que havia ocorrido, juntaram-se em torno do local onde se encontrava a pedra. Revolveram com os pés o pó da estrada, na esperança de encontrarem um pedaço de ouro.
— Meus amigos — disse o rei — com frequência encontramos obstáculos e fardos no nosso caminho. Podemos, se assim preferirmos, reclamar alto e bom som enquanto nos desviamos deles, ou podemos retirá-los e descobrir o que eles significam. A decepção é normalmente o preço da preguiça.
Então, o sábio rei montou no seu cavalo e, dando delicadamente as boas-noites, retirou-se.
William J. Bennett
O Livro das Virtudes II
Editora Nova Fronteira, 1996

44 comentários:

Anônimo disse...

Eu aprendi muito com essa historia vou refletir sobre a vida e meus atos.
Matheus Moreira e Lucas Henrique 2°c

Anônimo disse...

A garota da história recebeu uma recompensa por ter removido a pedra, nós, tendo como referência essa história, não devemos pensar no próximo apenas por uma fortuna, ou recompensa de qualquer forma, mas devemos pensar no outro pelo simples fato de ajudar o próximo, como uma forma de amor.
Gerson Júnior e Helcias Neto

Anônimo disse...

Aprendemos que não devemos só pensar em nós e sim no próximo, pois fazendo o bem ao próximo receberemos em dobro . Pietra Mancilha e Larissa Lima 2°B

Anônimo disse...

Atualmente as pessoas são muito egoístas e não pensam nos outros. E a exceção é a minoria da população, e como a bondade não se vê em todos, o destino acaba presenteado os mesmos.


Gabriela Batista e Laryssa Santos 2ºB

Eduarda e Isabella disse...

É bem assim mesmo , as pessoas só se sentem bem ou pensam no outro quando sabe que existe uma recompensa , deveriamos pensar no proximo não por ganhar algo em troca e sim pelo bem da outra pessoa .

Anônimo disse...

essa historia nos fez enxergar que na vida existe obstáculos, mas temos que superar-los, pois sempre uma coisa melhor esta por vir .



Ana & Camila 2°B

Anônimo disse...

Como toda fábula, essa também tem uma moral, que serviria para todas as pessoas. Acho que se acreditarmos que quando resolvemos um problema, o mesmo nos dará algo bom para levar de tudo isso seria mais fácil e motivador. Ao encontrarmos um problema em nosso caminho, não devemos simplesmente passar por cima dele e sim enfrenta-lo, assim nós teremos uma aprendizagem que pode facilitar a resolução de algum outro problema futuro.
Estela Moreira e Victória Carvalho 2º B ADM

Anônimo disse...

Os homens não pensaram nos outros, já a mulher pensou no próximo e retirou a pedra do caminho. e com sua bondade ganhou uma recompensa.
Ana Julia e Gabriella Costa

Julia da Silva 2°B disse...

Este texto traz pra nós o que devemos fazer no nosso dia a dia,se as pessoas não fazem o que é necessário,que façamos e façamos melhor.

Gabriela H -2ºB disse...

O texto nos mostra que devemos pensar mais no proximo, pois querendo ou nao, sempre teremos uma recompensa por isso. Pois colhemos o que plantamos, e essa frase se encaixa perfeitamente na açao dessa moça, que retirou a pedra pois pensou no proximo e ganhou uma otima recompensa por isso.

Anônimo disse...

nao podemos ter preguiça de enfrentar os desafios que a vida nos da, pois se tivermos preguiça vamos perder varias oportunidades.
Lais e Brisa 1º B

Anônimo disse...

As pessoas são muito egoístas e não pensam nos outros.Essa historia nos fez entender que na vida existe obstáculos... mas temos que superar-los

Aline Faria e Bruna Stefani 1°B

Anônimo disse...

a pedra e so mais um problema em nosso caminho... e quando solucionarmos o problema seremos gratificados, mas se nao solucionarmos o problema ele ira nos atrapalhar, tropeçaremos nele enquanto caminhar sem importar-se com ele.

Anônimo disse...

isso é a prova de que quanto mais formos esforçados e não ficar resmungando e reclamando da vida , seremos recompensados de alguma forma na vida.

Anônimo disse...

Nunca devemos ter preguiça de enfrentar algo, por mais dificil que seja porque ninguem sabe oque havera depois disso
Lucas Campi & Vinicius Walter 1°B

Anônimo disse...

As pessoas são muito egoístas e não pensam nos outros.

Anônimo disse...

Essa historia serve de referencia para a nossa vida, porque com frequencia somos egoistas com o proximo pensando apenas em nos mesmo, e deveriamos pensar melhor em nossas atitudes.
Leonardo e Leticia 1°B

Anônimo disse...

Aprendemos que não devemos só pensar em nós e sim no próximo, pois fazendo o bem ao próximo receberemos em dobro ,Como toda fábula, essa também tem uma moral, que serviria para todas as pessoas. Acho que se acreditarmos que quando resolvemos um problema, o mesmo nos dará algo bom para levar de tudo isso seria mais fácil e motivador. Ao encontrarmos um problema em nosso caminho, não devemos simplesmente passar por cima dele e sim enfrenta-lo, assim nós teremos uma aprendizagem que pode facilitar a resolução de algum outro problema futuro. Costa, Buck e Cesar 1 B

Anônimo disse...

As pessoas são muito egoístas e não pensam nos outros.Essa historia nos fez entender que na vida existe obstáculos... mas temos que superar-los.

Paulo e Thayná 1ºB disse...

Que muitas vezes não devemos reclamar dos obstáculos na vida, pois são eles que nos fazem aprender. Concluindo: Quando passamos por cima dos obstáculos da vida deixamos de aprender algo que nos fortaleça como pessoa, deixamos de fazer o essencial simplesmente por preguiça e que poderia ajudar o próximo e a si mesmo.

Anônimo disse...

As recalcada perde a linha! Chavosas Anonimas...

Anônimo disse...

- Podemos aprender varias coisas com o texto. Não podemos reclamar de tudo, Deus dá potencial para resolvermos nossas dificuldades, não devemos ter sempre preguiça e nem desistir quando encontrarmos uma pedra em nosso caminho,devemos sempre tira-lá por mais difícil que seja. | " Deus nunca da uma cruz maior que possamos carregar" |
Thais Cardoso e Soffia Barros - 1ºB

Anônimo disse...

Mesmo que exista obstáculos na vida, nos não temos que desistir.
Luis Eduardo e Matheus Ramos 1ºB

Thais Cardoso disse...

- Podemos aprender varias coisas com o texto. Não podemos reclamar de tudo, Deus dá potencial para resolvermos nossas dificuldades, não devemos ter sempre preguiça e nem desistir quando encontrarmos uma pedra em nosso caminho,devemos sempre tira-lá por mais difícil que seja. | " Deus nunca da uma cruz maior que possamos carregar" |
Thais Cardoso e Soffia Barros - 1ºB

Ass: Lucas Vinícius 1ºB eletronica /João Guilherme 1ºB Quimica. disse...

Nós só fazemos as coisas quando a interesse próprio , e não vemos as simples coisas que podemos fazer para os outros.
Ou somente se importar com a recompensa e não com o ato de bondade.

Anônimo disse...

Percebemos que as pessoas hoje em dia são muito egoístas, mas temos de sempre pensar no próximo. A vida tem alguns obstáculos mas temos de superá-los, para podermos "crescer",
agora é só refletir um pouco sobre nossos atos.

Matheus de Paula e William Roque 1º B

Anônimo disse...

No texto, a menina não é egoísta de pensar só nos problemas que teria para retirar a pedra, mas pensa também nas outras pessoas que poderiam vir a se ferir a noite caso a pedra continuasse lá. Enquanto algumas pessoas que em vez de tomar alguma atitude apenas reclamaram..
Isso mostra que em vez de nos lamentar dos obstáculos que temos ao longo da vida, temos que procurar a solução mesmo quando isso não beneficia somente a nós. No caso, a menina ganha uma recompensa ,que na nossa vida é representada quando depois dos obstáculos vencidos, acabamos ficando mais fortes e com a certeza de que podemos ser melhores a cada dia.

Giovana A. – 1ºb, Informática. Gabriela M. – 1ºb, Eletrônica.

Anônimo disse...

aprendi que os obstáculos em nossa vida não podem ser simplesmente desviados e sim enfrentados . Kelvin Diogo 2°A

Anônimo disse...

aprendi que os obstáculos em nossa vida não podem ser simplesmente desviados e sim enfrentados . Kelvin Diogo 2°A

Anônimo disse...

Não devemos pensar no próximo apenas por uma recompensa, as pessoas de hoje em dia são muito egoístas e não pensam uns nos outros. Com essa historia enxergarmos que na vida existe obstáculos, mas temos que superar-los,fazendo o nosso melhor.


Igor Rafael e Gabriel Andrade 2ºA

Anônimo disse...

As vezes a preguiça fala mais alto que tudo, e acabamos perdendo várias oportunidades em nossas vidas.
Rafaella e Júlia 2ºA

Anônimo disse...

pedro viado

Anônimo disse...

aprendi que os obstáculos em nossa vida não podem ser simplesmente desviados e sim enfrentados . Kelvin Diogo 2°A

Anônimo disse...

A preguiça só traz coisas ruins para gente, além de cair, não ganharam a recompensa.

Laís Passos e Kelly Fernandes 2ºA

Anônimo disse...

Existe pedras no nossos caminhos que podem ser eliminados, e que devemos pensar no próximo. - 2º ano A. La e Re

Anônimo disse...

Não podemos simplesmente não podemos deixar de enfrentar algo achando que não ira dar certo temos que tentar


Yuri 2°A

Anônimo disse...

O texto aborda um assunto interessante , que deveria ser do conhecimento de todos , que a humildade é essencial.

Guilherme Paixão 2ºA
Ronaldo Machado 2ºA

Anônimo disse...

Eu aprendi que não devemos pensar so em nos e que hoje em dia as pessoas são muito egoistas e não pensam no próximo
Lucas 2ºA
José
Renan

Bárbara Inácio disse...

Com esse texto, podemos refletir sobre coisas que deixamos de fazer no dia a dia por preguiça, mesmo sabendo que essas coisas poderiam nos trazer recompensas ainda melhores do que as que vem no futuro.
Bárbara Inácio, Thiago Marques e Bruno Henrique 3°D

Anônimo disse...

Essa história da uma relexão, onde vemos o quão as pessoas são preguiçosas e não se esforçam nem um pouco para si mesmo, ou para ajudar outras pessoas.... Acredito que podemos começar a agir mais, ajudar o próximo, pois um dia você pode precisar de ajuda, um dia isso que acontece c o outro pode acontecer com você e quem vai estar lá para te ajudar? Pense, reflita, faça.
Gabriele 3°D

Anônimo disse...

eu entendi que apesar dos obstáculos que vem pela frente nos não devemos simplesmente contornar a situação como diz a historia mas temos que supera-la
Rafael Barbosa 3°D

Anônimo disse...

Muito bom o texto, pois ele nos proporciona enxergar a vida como um caminho cheio de obstáculos, que sim, nós somos capaz de superar, resolver e ganhar algo bom em troca. Ajudar o próximo também é algo que deveríamos fazer, pois todo esforço feito um dia retornará em coisas boas para si mesmo! Beijinhosssssss

Laura Polenghi e Thaís Oliveira 3ºD

Rebeca Miranda disse...

Aprendemos muito com o texto, pois muitas vezes ao passarmos por certos problemas devemos tentar resolve-los ao invés de ficarmos reclamando da vida e seguir em frente.
Nadine e Rebeca 3°D

Anônimo disse...

Muitas vezes as pessoas vêem os obstáculos e não possuem a coragem para enfrenta-los, só pelo fato da facilidade de contorna-los ao invés de procurar uma forma de supera-los ou ao menos o simples fato de tentar.
Karla de Lucca 3d química e Bruno Emerson 3D Eletrônica.